Educação prepara atividades on-line para alunos da rede municipal

Educação prepara atividades on-line para alunos da rede municipal

Elaboração do conteúdo didático está na fase final; previsão é de que a plataforma fique à disposição na próxima semana

A Secretaria de Educação de Suzano está elaborando uma plataforma com atividades on-line para alunos da rede municipal, que abrange a educação infantil e o ensino fundamental. A previsão é de que a ferramenta fique disponível a partir da próxima semana, já que os professores estão finalizando o conteúdo programático. 

De acordo com o chefe da pasta, Leandro Bassini, o objetivo é que o conteúdo seja atualizado semanalmente. O acesso poderá ser feito a partir de smartphones, tablets, notebooks ou computadores. A medida é uma forma de atenuar a ausência de aulas durante a quarentena contra o avanço do número de casos do novo coronavírus (Covid-19).

Já os alunos que não têm acesso à Internet receberão as atividades impressas. A retirada poderá ser feita por pais ou responsáveis na escola onde as crianças estão matriculadas após um agendamento prévio com data e horário certos. Para este procedimento, está sendo elaborado um mapeamento dos estudantes da rede, nos mesmos moldes do que foi realizado para a entrega de cestas básicas neste período de pandemia.

Bassini disse que a proposta das atividades é envolver a família para que trabalhe o desenvolvimento da criança de forma lúdica, mas ressaltou isso não valerá nota ou frequência nas aulas. Portanto, não terá a característica de uma tarefa ou lição de casa.

“A residência não substitui o papel da escola e vice-versa. Estamos pensando em cada detalhe para que as atividades sejam possíveis de serem feitas em família. Elas irão trabalhar a qualidade da relação entre pais e filhos, bem como os sentimentos das crianças. Assim como os adultos, esse distanciamento social também as afeta e precisamos trabalhar nisso com muita paciência e atenção”, explicou.

Por meio da “Plataforma do Saber”, será liberado um conjunto de atividades a serem desenvolvidas em casa durante toda a semana. O conteúdo didático envolve exercícios, filmes, desenhos, contação de histórias, jogos, baú de recordações, brincadeiras, pinturas, entre outras.

“Entendemos que as famílias não são professores e por isso as atividades não serão iguais às que as crianças costumam praticar na escola, com a presença do corpo docente. Por isso, também serão colocados à disposição uma linha telefônica e um chat on-line para eventuais dúvidas dos pais ou responsáveis”, completou Bassini.