Banco de Alimentos atende a 1,5 mil famílias durante a quarentena

Banco de Alimentos atende a 1,5 mil famílias durante a quarentena

Já foram doadas mais de 15 toneladas de verduras, legumes e frutas por meio de entidades assistenciais no período

Mesmo em meio à quarentena contra o novo coronavírus (Covid-19), o Banco de Alimentos de Suzano, gerido pelo Departamento de Agricultura, segue com as doações de verduras, legumes e frutas a famílias cadastradas em entidades assistenciais do município. Com a pandemia, a entrega está sendo feita diretamente na sede do setor, localizada na rua Abdo Rachid, 55, no centro.

Atualmente, a iniciativa atende a 1,5 mil famílias cadastradas em 14 instituições do Jardim Casa Branca, Cidade Miguel Badra, Jardim Dona Benta, Raffo e do distrito de Palmeiras. As doações ocorrem semanalmente, mas de forma intercalada, a fim de se evitar aglomerações neste momento. 

De acordo com a Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Geração de Emprego de Suzano, responsável pelo Departamento de Agricultura, de maio até agora, foram distribuídos mais de 15 toneladas de produtos pelo Banco de Alimentos.

Para isso, a iniciativa conta com o Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), do Ministério da Cidadania, que anualmente repassa uma verba para as compras realizadas todo mês pela pasta – em 2020 o valor foi de R$ 300 mil –, e também com as doações da Cooperativa de Assentamento de Biritiba Mirim (Conab).

Além disso, há ainda alimentos oriundos do Banco de Alimentos da Rede Metropolitana de São Paulo, da qual Suzano faz parte, e também de empresários e produtores que ocasionalmente colaboram com o programa municipal.

“No início da pandemia tivemos que fazer uma paralisação de cerca de 30 dias e depois voltamos a operar novamente neste novo formato, com a entrega sendo feita da sede e com todos os cuidados de higiene exigidos pela Saúde, procurando não expor os servidores e nem os representantes das entidades que buscam os alimentos”, explicou o secretário André Loducca.

O Departamento de Agricultura informou ainda que, neste período, houve também a doação dos alimentos adquiridos para o Fundo Social de Solidariedade (800 quilos) e para a Santa Casa de Misericórdia de Suzano (220 quilos). 

Crédito das fotos: Irineu Junior/Secop Suzano